Notícias

08
Ago

Revertendo a Catarata

cirurgia-de-catarata-nucleo-avancado

A Catarata é uma doença progressiva que, quando não tratada, pode levar à cegueira. Estima-se que cerca de 18 milhões de pessoas estejam cegas devido à Catarata, e que pelo menos 65 milhões de pessoas apresentem perda parcial da visão pelo mesmo motivo.

Felizmente, é possível recuperar a visão perdida pela Catarata, é a única forma de fazer isso é através de um procedimento cirúrgico.

A Cirurgia de Catarata é um procedimento considerado comum – dados indicam que, anualmente, sejam realizadas cerca de 400 mil cirurgias de Catarata somente no Brasil. E os índices de recuperação de visão são animadores: a taxa de sucesso do procedimento são maiores que 95%.

A Cirurgia de Catarata em Ipatinga consiste no implante de uma lente intraocular para substituir o cristalino que perdeu a transparência. As lentes intraoculares são aplicadas no lugar do cristalino através de uma pequena incisão feita na córnea.

A Oftalmologia Moderna, aliada ao avanço da tecnologia, aprimorou as técnicas de incisão da córnea. Hoje, a incisão na córnea é feita com um laser de precisão, e não mais com um bisturi, como era antigamente.

Além disso, as lentes intraoculares foram sendo adaptadas para se acomodarem melhor a cada tipo de olho.

Essas lentes podem ser classificadas em:

  • por foco: podem ser multifocais, corrigindo as visões para perto e para longe simultaneamente, ou monofocais, corrigindo a visão apenas para longe;
  • por material: podem ser de acrílico, silicone ou PMMA;
  • por rigidez: podem ser rígidas ou flexíveis;
  • por finalidade: podem ser asféricas ou esféricas.

As lentes intraoculares tem as mesmas características de uma lente de contato, mas funcionam de forma diferente, porque são aplicadas dentro do olho, e não sobre ele.

Elas podem ser classificadas de diversas formas:

  • por foco: podem ser monofocais, corrigindo visão para longe, de forma exclusiva; ou multifocais, corrigindo a visão para perto e para longe, ao mesmo tempo;
  • por material: podem ser feitas de acrílico, silicone ou PMMA;
    podem ser esféricas ou asféricas.

Apenas o oftalmologista especialista em catarata poderá definir o melhor tipo de lente intraocular a ser usado em cada caso, já que ele deve considerar as medidas dos olhos de cada paciente e a adaptação de cada um.

Você pode saber mais sobre Catarata com o Guia Exclusivo e Gratuito que o Núcleo Avançado desenvolveu pensando em você, clique abaixo e baixe o conteúdo!

guia-completo-fatores-de-risco-da-catarata

Caso ainda tenha dúvidas, fale conosco pelo (31) 3618-7500 ou pelo WhatsApp (31) 99895.8332. Se preferir, acesse o site www.nucleoavancado.com.br ou clique para falar conosco:

duvidas-de-catarata