Adaptando as crianças ao uso de óculos

dicas-para-ajudar-seu-filho-a-se-adaptar-aos-oculos

Com o início das aulas, as crianças começam a ficar ansiosas, enquanto os pais correm contra o tempo para estarem com tudo pronto para o grande dia.

Com o retorno da rotina escolar, os pais devem estar atentos a um detalhe que, a princípio, pode ser imperceptível. Será que as crianças estão enxergando bem?

Como saber se meu filho enxerga bem

Mesmo que as crianças não saibam dizer exatamente o que estão sentindo, ou se estão com a visão prejudicada, alguns hábitos não verbais podem indicar de que algo está errado.

Coçar os olhos com frequência ou aproximar o rosto no material de estudo são alguns destes sinais. Você pode ler mais sobre isso clicando aqui. 

Meu filho apresenta sinais de visão ruim. E agora?

Agora que os pais já identificaram as dicas não verbais de que a visão das crianças pode não estar tão boa, é hora de agir.

Apesar de estes sinais serem fáceis de observar, eles não servem como diagnóstico. A visão só pode ser avaliada por um oftalmologista especializado, que poderá identificar a presença e evolução de distúrbios oculares como os erros refrativos (Miopia, Astigmatismo ou Hipermetropia).

Por isso, é importante passar as crianças por uma consulta com o oftalmologista antes do início das aulas – leia mais aqui

Meu filho passou pelo oftalmologista, e vai precisar usar óculos

Os óculos de correção são uma ótima opção de tratamento da visão prejudicada por erros refrativos. As lentes dos óculos farão a correção do ponto de foco das imagens até a retina, reajustando a qualidade da visão das crianças.

Entretanto, crianças têm uma certa resistência em se adaptar a novas rotinas e novos elementos – e com os óculos não será diferente.

Os pais devem saber que, nos primeiros dias, sintomas como dores de cabeça, enjôos e um certo grau de indisposição são comuns na fase de adaptação – e são sintomas que podem dificultar a continuidade no uso dos óculos.

Dicas para ajudar pais e filhos na adaptação aos óculos

É muito importante vencer a primeira resistência das crianças. A fase de adaptação é importante, e deve ser seguida até que ela esteja totalmente acostumada ao novo “amigo”.

Por isso, separamos aqui algumas dicas que podem ajudar bastante nestes primeiros dias.

  • inclua a criança na escolha da armação: cores e desenhos são aliados na hora de escolher uma armação de óculos, e a criança ficará mais confortável e menos resistente em usá-los. 
  • pense no conforto e segurança: crianças têm bastante energia, e tendem a correr, pular e se jogar em camas e sofás. O conforto da armação nos rostos das crianças, e lentes mais dificilmente quebráveis deve ser considerados na hora da escolha. 
  • elogie a criança quando ela estiver usando os óculos: crianças são suscetíveis a reforços positivos, e tendem a repetir ações que agradam os adultos; 
  • seja firme: as crianças ficarão cansadas, enjoadas e tristonhas nos primeiros dias – sinais de que as lentes de correção dos óculos estão trabalhando para melhorar a visão dos pequenos. Mantenha-se firme, e evite que a criança tire os óculos sem necessidade.

Já baixou o nosso Guia de Volta às aulas, com dicas e informações importantes para melhorar a saúde ocular e o rendimento das crianças durante o ano letivo?

Para ter acesso a este guia, basta clicar no link abaixo:

guia-completo-sobre-volta-as-aulas

Ficou com alguma dúvida? Fale conosco pelo telefone (31) 3618-7500 , pelo WhatsApp (31) 9-9934-8572 ou pela Central de Atendimento em nosso site.